Demo

Dr. Gilberto José Lago

Médico por paixão e vocação, o Dr. Gilberto José Lago adora e vive para o que faz. É um profissional que respira medicina, seja em seu consultório, no pronto-socorro, na cardiologia ou na UTI.

Currículo Lattes

Linha do Tempo

Filho de Emília Lago e José Ferreira de Almeida, Gilberto José Lago de Almeida nasceu em Coronel Domingos Soares, distrito de Palmas, no Paraná, em 1960. Desde cedo desperta interesse pela medicina, fato que o faz prestar vestibular na concorrida Universidade Federal do Paraná.

  • 1979 - 1984

    Aprovado na UFPR com apenas 19 anos, fato raro para um aluno vindo do interior, inicia os estudos para o que viria a ser uma carreira marcante, hoje em destaque na Policlínica Pato Branco e em sua Clínica Dr. Gilberto Almeida.

    1979 - 1984
  • Início de carreira

    Aprovado na Residência Médica em Medicina Interna (Clínica Médica).

    Ao término desta, recebe convite para permanecer trabalhando no Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná (HC-UFPr), que aceita com prazer. Inicia pós-graduação em Cardiologia e atuação em Medicina Intensiva.

    Nomeado Médico Chefe do Serviço de Pronto Atendimento para Adultos da UFPR.

    Convidado pelo Prof. Dr. Álvaro Rea, presidente da Associação de Medicina Intensiva Brasileira (AMIB), participa da Fundação da UTI do Hospital da Nações, em Curitiba, como diretor de Patrimônio.

    1988
  • Retorno às origens

    Apesar do sucesso e projeção, o nascimento de seu primeiro filho o fez optar por trocar a carreira universitária em Curitiba para vê-lo crescer no interior. Mesmo com a indignação de amigos e colegas, o apelo de seus pais e seu compromisso pessoal com sua cidade natal o fazem retornar à Palmas.

    1989
  • Atuação em Palmas (Sudoeste do Paraná) e Climega

    Monta consultório onde institui exames de cardiologia, além de atuar em hospitais e na saúde pública.

    Inaugura a Clínica Médica Dr. Gilberto Almeida (Climega).

    1995
  • Protege Emergências Médicas

    Atento ao fato de muitos pacientes morrerem por não haver UTIs em Palmas, implanta o Protege Emergências Médicas, primeira UTI Móvel da região sudoeste do Paraná. Isso antecede em muitos anos os atuais SAMUs.

    1996
  • Hospital São Paulo

    Adquire o Hospital São Paulo, até então desativado, em parceria com o Prof. Nelson Santos. Seu empenho e dedicação em sua reconstrução o tornou um dos mais modernos hospitais da região e fez de seu pronto-socorro um dos maiores orgulhos de sua vida.

    1999
  • Mais atividades

    Desempenha diversas funções, como:

    • Plantonista da UTI da Policlínica Pato Branco 1998-2000
    • Sócio Serviço de Hemodinâmica Policlínica Pato Branco
    • Membro por duas gestões do Conselho Administrativo da UNIMED de Pato Branco, participando da edificação da sede da Cooperativa.
    • Um dos 20 sócios-fundadores da Cooperativa UNICRED de Pato Branco
    • Delegado por três gestões do Conselho Regional de Medicina do Paraná, regional de Pato Branco.
    2000
  • Um Grave Acidente

    Sofre grave acidente enquanto dirigia a UTI Móvel. Teve grande apoio da comunidade, com a celebração de missas, novenas e diversas manifestações de carinho, fato que o fez aumentar ainda mais seu compromisso social.

    2004
  • Morte de adolescente gera polêmica

    Atende um paciente com Parada Cardiorrespiratória por Asma Grave. Mesmo não sendo referência municipal, consegue realizar o atendimento imediatamente no Hospital São Paulo. A irmã do paciente presenciou o atendimento e o acompanhou na internação até sua total recuperação.

    Infelizmente, ela também era asmática e passou mal em sua escola. Levada pelos bombeiros à referência, foi encaminhada sem atendimento ao Posto de Saúde. Sem estrutura para atender uma parada cardiorrespiratória, ela faleceu.

    Ela deixou uma carta de agradecimento à equipe do HSP, mas não pode entregar. A carta, mostrada abaixo, nos foi entregue por sua família. Comprometido a fazer alguma coisa, inicia sua trajetória política.

    2007
  • Envolvimento na política e volta ao ensino

    Aceita candidatura a vice-prefeito com apenas uma promessa de campanha: a implantação de um Pronto Atendimento Municipal, com condições de atender pacientes graves. Essa meta foi cumprida após vitória das eleições.

    Entretanto, não foi possível nomear o Pronto Atendimento com o nome da adolescente que morreu, como era seu desejo.

    A implantação do PAM, no entanto, fez a prefeitura assumir dívidas com o HSP que não foram pagas. Após a Justiça não acatar pedido de pagamento, o HSP se viu inviabilizado de prosseguir em funcionamento. Desapontado, esse fato encerrou o envolvimento do Dr. Gilberto na política, bem como sua saída de Palmas.

    No mesmo ano, aprovado para Pós-Graduação em Neurointensivismo no Hospital Sírio-libanês, aceitou também convite para implantar o Ambulatório de Dor na Universidade do Oeste de Santa Catarina (UNOESC), em Joaçaba, que coordenou até 2012.

    2008
  • Climega

    Após breve período em São Paulo, volta para Pato Branco a pedido da família, especialmente pelo pai. Hoje, dirige a Climega, que faz parte da Clínica Médica (Pronto Socorro e internamentos) e Cardiologia (Sobreaviso e Internamentos) da Policlínica Pato Branco, com a opção de internar pacientes no Hospital Tereza Mussi.

    2014

Entre em Contato

  • (46) 2101-2101
  • (46) 3225-7637
  • contato@climega.com.br

Onde Estamos

  • Rua Pedro Ramires de Mello, 401
  • Sala 2 , ao lado Policlínica Pato Branco
  • CEP: 85501-250 | Pato Branco - PR